VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 14º | 29º
Quarta-feira | 20 de Setembro de 2017 08:14

Recordar é Viver

Naquele ano, o Faná­tico F.C. participou com um grupo muito forte de atletas, mas mesmo assim o Tigre, o seu grande rival, foi tricam­peão.

Por: Lauro

Em 1952 a então Liga Regional de Futebol Cam­polarguense tinha como seu presidente o Sr. Albino Gri­goletti e a participação de muitas equipes. O grande campeão foi o Internacional E.C., com Herculano Schima­leski como presidente do Ti­gre.

Naquele ano, o Faná­tico F.C. participou com um grupo muito forte de atletas, mas mesmo assim o Tigre, o seu grande rival, foi tricam­peão.

Antes de uma partida vá­lida por aquele campeonato, no antigo campo do Tricolor na baixada, em terras da Fa­mília Cavali, foi tirada a foto que pertence ao arquivo do colunista.

Estão na foto em pé Tuni­quinho, Severino, Efrem Bur­coski, Darci Chemim, Eurico Soares Pinto, Celso Arche­leia, Floresval Leal (Vaso), Bernardo Cardoso e Gastão Xavier Kuster.

Sentados Patapio, Ninin Fabris (Valentim Garret Fa­bris), Osiris Portugal, Anto­nio Winheski (Crespo), Pedro Baduy (Deta) e Arnaldo Mar­tini (Nide).

Também aparece na foto o Sr. Domingos Cavali, que foi um dos primeiros professores de ensino de Campo Largo e proprietário do local do cam­po do Leão da baixada, onde está a TVS Eletrônica do Pe­dro Ullirsch (Pedrinho), que faz parte da diretoria do Fa­nático.

Todos que estão na foto são de saudosa memória e, por isso, seus familiares ao verem e lerem esta matéria irão sentir uma grande sau­dade do Timaço de 1952.

Esta matéria foi feita pela sugestão do desportista e ex­-atleta do Tricolor, que defen­deu o Fanático entre 1974 e 1983, João Amorim (popular Bate Estaca).

406 visitas








Sua Opinião