VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 18º | 27º
Quarta-feira | 21 de Fevereiro de 2018 11:55

Refluxo

Existem pessoas que pos­suem uma pré-disposição para ter o refluxo, porém a alimenta­ção pode influenciar no nível dos sintomas e na ocorrência deles.

Por: Ana Lúcia

O refluxo esofágico é a volta do ácido do estômago (o ácido clorídrico) para o esôfa­go gerando sensação de quei­mação. Porém podemos ter o refluxo não ácido que consiste na volta do conteúdo do duo­deno (não ácido – enzimas e ácido biliar) para o esôfago e/ou órgãos adjacentes gerando também desconforto e lesio­nando a mucosa esofágica podendo levar a esofagites.

Existem pessoas que pos­suem uma pré-disposição para ter o refluxo, porém a alimenta­ção pode influenciar no nível dos sintomas e na ocorrência deles.

Fatores que podem in­fluenciar no aparecimento do refluxo:

Hérnia de hiato – mau funcionamento do esfíncter esofágico (válvula que fecha a passagem do conteúdo do estômago para o esôfago);

Comer muito rápido;

Obesidade;

Uso de medicamentos em excesso;

Alto consumo de alimen­tos gordurosos.

Dicas Nutricionais

Coma devagar, mastigan­do bem os alimentos para faci­litar a digestão.

Evite comer alimentos gordurosos ou com muito óleo, manteiga, margarina, queijos amarelos, pois as gorduras demoram mais para saírem do estômago aumentando a pos­sibilidade de refluxo.

Estudos mostram que a cafeína (chocolates, chá mate, chá preto, café, refrigerantes) também aumenta a secreção de ácido pelo estômago au­mentando as chances desse ácido voltar para o esôfago.

•Os alimentos ácidos só devem ser evitados se hou­ver relação com sintomas ou quando a mucosa estiver ir­ritada. Alguns alimentos em quantidades moderadas até poderiam ser benéficos, pois ajudariam na digestão, como o abacaxi.

•Consuma fibras, os grãos integrais são uma boa opção, pois aumentam a saciedade e auxiliam na proteção gastrin­testinal.

•O estresse está relacio­nado com o aumento da pro­dução de ácido clorídrico no estômago.

•O consumo excessivo de açúcar e bebidas alcoólicas também está relacionado com o aumento da produção de ácido clorídrico.

•Se estiver acima do peso, procure fazer uma reeducação alimentar para perda de peso, pois a obesidade dificulta a di­gestão dos alimentos aumen­tando o refluxo esofágico.

•Faça o jantar pelo menos 2 horas antes de dormir.

381 visitas








Sua Opinião