12h25 - 30 de Outubro de 2014

Policial

Veículo queimado e empresário desaparecido

25/03/2014

A Delegacia de Campo Largo tem a missão de desvendar o desaparecimento de um empresário do município de Agudos do Sul, desaparecido desde quarta-feira (19), quando veio para o nosso município e nunca mais foi visto.

Familiares de Ademir Heibecker (39) compareceram da 3ª DRP de Campo Largo na última quinta-feira (20) informando o desaparecimento do empresário.

Ademir trabalha na construção de tanques para Pesque Pag. Segundo sua esposa, ele teria uma dívida de aproximadamente R$ 90 mil para receber de uma pessoa aqui em Campo Largo, que ninguém da família sabe quem é. Ele teria recebido um telefonema do suposto devedor, para que viesse receber na terça-feira (18), mas, desconfiado, ele teria trazido um amigo junto. Chegando ao Posto Guarani, onde teria sido marcado o encontro, um veículo de cor prata teria se aproximado e dado sinal de luz, ele então seguiu até o Posto Saguaru. O possível devedor, percebendo que Ademir estava acompanhado, ficou perturbado e disse que teria aparecido um problema de última hora com seus negócios e que só poderia falar com ele no outro dia às 9 horas no mesmo local.

No outro dia (quarta-feira, dia 19), Ademir saiu de casa em Agudos, por volta de 08h30min e nunca mais foi visto. Por volta de 19 horas de quarta-feira (19), um funcionário do Posto Guarani teria informado à Polícia Rodoviária Federal que havia uma caminhonete Toyota Hilux com alerta ligado às margens da rodovia próximo ao posto. Aproximadamente duas horas depois o Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas da mesma caminhonete que estava pegando fogo no km 103. O veículo, constatado na sequência ser do empresário Ademir, foi totalmente destruído pelo fogo, sendo recolhida ao pátio da PRF em São Luiz do Purunã.

A Polícia Civil de Campo Largo, sob o comando do delegado Antonio Macedo de Campos Junior, trabalha na investigação do sumiço misterioso do empresário, precisa de mais informações do suspeito e o retrato falado do devedor deverá ser divulgado em breve.     

3950 visitas

Comentários

Fechar
Atenção Internautas: A Folha de Campo Largo não interfere na opinião dos leitores. Os internautas são responsáveis pelos seus comentários, inclusive juridicamente, se for o caso, até porque os comentários ficam gravados por até três meses e, se necessário, é possível identificar o IP, endereço, nome do proprietário da máquina etc. Não existe anonimato. A nossa única interferência é não publicar as opiniões que tenham palavrões e xingamentos preconceituosos, para evitar discussão. Todas as opiniões publicadas, o são, na íntegra, sem modificações, inclusive com os eventuais erros de Português. Só solicitamos aos internautas que utilizem esse espaço para uma discussão sóbria, civilizada e construtiva. A Folha não emite opiniões e nem entra nas discussões dos internautas.
Por Rose rose em 03/04/2014 às 15:59:
Meu deus imagino como estam essa família q agonia!!!!! Pessoas maravilhosas q tive a oportunidade de conhecer gente de coração bom incapaz de fazer qualquer tipo de mal pra alguém pessoas q só fazia o bem.tenho fé q encontre ele bem . E esse vagabundo q tá fazendo todos sofrer q vá pra cadeia lá e lugar desses tipo de mostro . Sofri muito na mão desses vagabundo ladrão como refém no meu comércio q tinha aí em Curitiba . Vou orar pra q ache nosso amigo Ademir logo.
Por Eliane Casagrande Fragoso em 28/03/2014 às 10:16:
Eu confio no trabalhos dos policiais, Mas tem que agir rápido, para mais uma histótia não morrer na praia!
Por ze merenda júnior em 26/03/2014 às 17:42:
Não conseguem nem manter os bandidos na cadeia, quem vê pensa que a polícia de Campo Largo vai descobrir alguma coisa.
Por ze merenda em 26/03/2014 às 16:27:
Isso a policia de Campo Largo, descobre alguma coisa.. Não conseguem nem manter os bandidos na cadeia , quem dirá investigar algo.
Por Aline Saiz em 26/03/2014 às 00:09:
Esse amigo que acompanhou o Ade nesse encontro poderia fazer um retrato falado do suspeito, isso ajudaria muito na investigação .
Por flavia ferreira em 25/03/2014 às 21:08:
olha eu conheço o Ademir, frequentei a mesma igreja que ele frequenta. Porem eu acho uma falta de respeito com a familia dele essa demora das investigaçoes,quanto mais tempo pior entao gostaria que fosse mais rapido esta investigação das autoridades para parar de agonizar a familia do desaparecido
Por ZECAO em 25/03/2014 às 20:45:
AS CAMERAS DA RODONORTE PODEM AJUDAR A ENCONTRAR ESTE MONSTRO, SE NÃO PODE PAGAR NÃO FAÇA DIVIDA.
Por Ali Gator em 25/03/2014 às 19:26:
Campo Largo se tornou terra de ninguém. Uma cidade boa, tranquila até pouco tempo se tornou numa cidade sem lei. Empresas que vieram pra cá e muita gente de fora que veio atrás de oportunidades, mas como veio gente do bem, trabalhador, veio muito malandro querer se dar bem por aqui, e INFELIZMENTE estão se dando bem. Aliás, bandido no Brasil sempre se deu bem. E viva LA COPA!!!

Envie seu comentário:


Vídeos

Campo Largo é a cidade mais atingida pelos temporais do fim de semana (Vídeo RPCTV)

Últimas Notícias

Uma mulher caiu de um jardim de inverno em um restaurante na Des. Clotário Portugal e está em estado grave. Policial informou que um helicóptero deve vir para socorrê-la.
AVISO DE UTILIDADE PÚBLICA - CAMPO LARGO Dano em equipamento pode deixar comprometido o abastecimento em bairros de Campo Largo A Sanepar informa que uma das bombas utilizadas para o abastecimento de Campo Largo quebrou-se. A bomba fica na Elevatória da Estação de Tratamento de Água Itaqui e é responsável por levar água para diversos bairros das partes mais altas da cidade. A equipe de manutenção da Sanepar já está trabalhando para recuperar o equipamento, mas podem ocorrer situações de desabastecimento ou baixa pressão nesta quarta (29/10) e na quinta-feira (30/10/2014). A Sanepar prevê a normalização no abastecimento para sexta-feira (31). Além das partes altas do centro da cidade e do Itaboa, os locais mais atingidos são: Águas Claras, Andreassa, Bom Jesus, Ferrari, Francisco Gorski, Jardim Denize, Jardim Esmeralda, Jardim Miranda, Lamback, Loteamento Bieda, Loteamento São Francisco, Moradias Bom Jesus, Nova Trento, Ouro Preto, Ouro Verde, Partênope, Popular Nova, Popular Velha, Residencial Tiqueto, Rivabem I e Rivabem II, Rua Ema Taner de Andrade, São Marcos e Vila Bancária. Clientes que não possuem caixa-d?água domiciliar podem ficar desabastecidos temporariamente. A Sanepar lembra que, de acordo com norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), o cliente deve instalar caixa-d?água com capacidade para atender as necessidades de seu imóvel por, no mínimo, 24 horas. O reservatório domiciliar deve armazenar pelo menos 500 litros. A Sanepar pede a colaboração de todos para que a população utilize a água apenas para serviços essenciais, evitando desperdícios. O Serviço de Atendimento ao Cliente Sanepar é feito pelo telefone 115. Ao ligar, tenha em mãos a conta de água ou o número de sua matrícula. Acompanhe mais informações pelo site www.sanepar.com.br, pelo twitter e pelo facebook.
Estrutura bem organizada no Ginásio da Rondinha para a eleição.
Alagamento também na Avenida do Centenário no final desta tarde. Com a chuva e provavelmente muitos entulhos despejados no Rio Cambuí, o rio transbordou e alagou a região.
Mais leitores que moram próximo ao Condor enviaram fotos do alagamento.

Enquetes

Na sua opinião, qual o principal motivo para tanta violência?

Guia Folha


Impressos




Rua Gonçalves Dias, 1127 - Campo Largo / PR
Telefone: (41) 3032-3838