Quinta-feira às 23 de Maio de 2024 às 07:45:05
EM CAMPO LARGO 13º | 27º
Geral

Centro Internacional de Deficiência Joni’s House em Campo Largo será uma referência nacional

Centro Internacional de Deficiência Joni’s House em Campo Largo será uma referência nacional

Um importante evento foi realizado na manhã desta quarta-feira (02) em Campo Largo, em frente da onde será o Centro Internacional de Deficiência Joni’s House, no bairro Ouro Verde, com presença de atoridades e um grupo americano. A previsão é que a inauguração seja realizada no primeiro semestre de 2024, após investimentos de R$ 5 milhões.

O projeto é uma parceria da Joni and Friends, dos Estados Unidos, com a Primeira Igreja Batista de Curitiba, representada pelo Pastor Paschoal Piragine Jr. e Pastor Michel Piragine, e também com o Hospital do Rocio, em nome do Dr. Luiz Ernesto Wendler e Dr. Eduardo Wendler.

A Joni’s House é um centro internacional para deficientes. Através da igreja local, comunidade e parceiros governamentais, Joni and Friends fornece apoio médico e de mobilidade, defesa do paciente, recursos essenciais e cuidado espiritual para pessoas com deficiência e suas famílias.

De acordo com os representantes da entidade americana, a Joni’s House será uma representação da bondade de Deus e assim celebraram a cerimônia da pedra fundamental nesta semana. “Que muitos que foram afetados com deficiência possam ali encontrar solução e a palavra de Jesus”.

O projeto demanda uma parceria constante para sua manutenção. Teve início com a fundadora Joni Tada, que ficou tetraplégica aos 16 anos quando pulou em um rio para se refrescar e atingiu um banco de areia, quebrando o pescoço. De início, ela achou que havia perdido sua vida, mas depois entendeu que poderia usar a deficiência para ajudar pessoas do mundo todo. Hoje, a organização envia missionários e cadeiras de rodas para mais de 40 países, entre eles o Brasil. Esta será a segunda unidade da Joni’s House a nível mundial. Joni é uma defensora internacional da deficiência e busca ajuda prática e que seja de encontro ao Evangelho, para uma esperança espiritual.

A vice-presidente executiva e diretora financeira da instituição, Laura Gardner, esteve presente e disse que esse será um ponto referencial e destino de muitas famílias que vivem com deficiência. Explicou que a parceria para vir ao Brasil iniciou em 2017 pelo interesse da Igreja Batista e logo trouxeram para cá o programa para doação de cadeiras de rodas.

“A Joni’s House no Brasil trará esperança, queremos providenciar um cuidado integral, espiritual, social, físico e econômico para as famílias que precisam.  Compartilhar o Evangelho, fazer a distribuição de cadeiras de rodas, sapatos e alimentos para famílias que precisam; oferecer cuidado educativo com cursos e treinamentos para que possam aprender novas habilidades; cuidado físico com fisioterapia, psicólogos e médico. Para casos mais complexos, serão encaminhados ao Hospital do Rocio”, explicou Laura, destacando a dignidade no atendimento.

Michel Piragine, pastor presidente da PIB Curitiba, ressaltou ser um privilégio de participar do que se inicia, projeto de Deus que toma forma. Disse que já consegue ver pessoas ali transformadas, sendo atuantes no mercado de trabalho, sendo amparadas, e aproveitou para agradecer ao grupo americano por ampliarem a visão deles na questão da deficiência.

Dr. Luiz teve o privilégio de conhecer a Joni pessoalmente em Los Angeles, em viagem com o pastor Paschoal e disse que foi emocionante ver ela assinar o contrato segurando a caneta com a boca.  “Joni faz o bem com o objetivo de expandir a obra de Deus. Tudo que o hospital puder fazer na área médica e fisioterápica nós vamos fazer. E os paraplégicos que puderem ser reintegrados, o hospital vai absorver, se não todos, mas quase todos”, destacou. Dr. Eduardo e o pastor Michel ficarão responsáveis por levantar doações para a continuidade deste importante projeto.

Sente-se orgulhoso em participar deste projeto e se mantém de portas abertas. “Deus já abençoou esta obra. Agora é só nós trabalharmos corretamente que as pessoas vão ser beneficiadas e esta não vai ser a primeira Joni’s House no Brasil”, finalizou Dr. Luiz.

O prefeito Mauricio Rivabem destacou que esta será uma importante forma de fazer uma grande diferença para aqueles que mais precisam. “Aqui atrás de mim nós temos um terreno, por sinal muito bonito, com araucárias que representam nosso Estado. Hoje só um terreno, daqui uns dias vamos ter uma grande fábrica de amor, de compaixão, de inclusão, uma fábrica de Deus. Tenho a grata satisfação de como prefeito dizer: ‘Ela é em Campo Largo’”.

Representando o governador Ratinho Junior, o secretário estadual de Saúde, Beto Preto, disse que os projetos públicos muitas vezes não conseguem atender a todos e por isso a complementaridade das iniciativas privadas se faz necessária.  Essa não será apenas uma obra, mas algo que atrai parceiros, amigos, colaboradores para um projeto tão importantes. Atenção à saúde das pessoas com deficiência é uma das frentes mais importantes a serem trabalhadas na Saúde, conforme disse o secretário. “Vamos aprender a verdade desta caminhada ao caminhar”, comentou.

Para finalizar o evento, o pastor Paschoal Piragine Jr. agradeceu as parcerias que tornam isso possível e destacou a amizade com o governador antes mesmo dele exercer essa função. Ao contar que uma fiel foi quem o motivou a buscar mais ajuda a pessoas com deficiência, frisou que queria um lugar que não só cuidasse, mas também pudesse abrigar algumas pessoas. Assim Joni’s House teve orçamento ampliado e falaram a ele: “nós vamos participar do seu sonho assim como você participa do nosso”. Declarou estar emocionado em hoje estar realizando este sonho.  “Ser pastor é entrar na vida das pessoas, mas também reconhecer nossas limitações”, por isso diz que só tem a agradecer a parceria e todos os envolvidos.